Seja bem-vindo ao RondôniaHoje, tudo que é notícia passa aqui!
sexta-feira , 24 maio 2024
Saúde

Ação da Prefeitura de Porto Velho leva serviços de prevenção e tratamento sobre a hipertensão

Ação da Prefeitura de Porto Velho leva serviços de prevenção e tratamento sobre a hipertensão

Por João Muniz

Publicada em 26/04/2024 às 11h50

Nesta sexta-feira (26) é celebrado o Dia Nacional de Prevenção e Combate à Hipertensão Arterial, doença que mata 388 pessoas por dia em todo o país. Em Porto Velho, a Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Saúde (Semusa), realizou uma ação alusiva à data. A estratégia faz parte das ações de rotina da pasta, que têm o objetivo de oferecer prevenção e tratamento.

A atividade aconteceu na unidade de saúde Ronaldo Aragão e contou com diversas ações educativas, laborais e médicas. O objetivo do encontro foi proporcionar aos pacientes uma melhor qualidade de vida através da saúde.

A ação aconteceu por meio do programa Hiperdia, da Semusa, que é direcionado aos pacientes com hipertensão e diabetes, e, até mesmo, para quem não possui as doenças. Secretária-adjunta da Semusa e médica pediatra, Marilene Penati, destaca que a atuação na prevenção das doenças é uma prioridade da gestão.

“Eu costumo sempre falar que a prevenção é o melhor caminho a ser seguido. Com ela, evitamos doenças e temos qualidade de vida. E a hipertensão é uma enfermidade evitável, tanto por parte da população, quanto pelo Poder Público. Prova disso é o programa Hiperdia, que oportuniza para todos, uma vida saudável e segura”, destaca Marilene Penati.

Segundo a coordenadora do Hiperdia, Soraya Dalboni, as ações do programa acontecem de forma rotineira em todas as unidades de saúde do município, seja da zona urbana ou rural. “O objetivo da Semusa é proporcionar qualidade de vida para toda a nossa população, de forma igualitária. O SUS é para todos”.

Durante o encontro, os pacientes participam de diversas ações voltadas para a promoção à saúde, como:

– Aferição de pressão;

– Testes de glicemia;

– Palestras sobre alimentação saudável;

– Atividades laborais

– Testes rápidos para HIV, Hepatite B e C e Sífilis;

– Exame de oximetria;

– Consultas médicas, entre outros.

Esses serviços oferecidos para hipertensos, diabéticos e pessoas que não possuem as doenças, são estratégias de prevenção e tratamento, respectivamente.

Dona Francisca da Silva, de 75 anos, é paciente do Hiperdia na unidade de saúde Ronaldo Aragão há mais de dez anos. Ela conta que através do projeto, conseguiu encontrar mais qualidade de vida.

“Sou hipertensa, diabética e ainda sofro com o colesterol descontrolado. Faço questão de vir nos encontros, nunca faltei. Acho esse programa muito bom, pois tenho acesso a todos os serviços da unidade, até atividade física a gente faz, sempre sou muito bem atendida”, aponta a idosa.

Em Porto Velho, mais de 25 mil pessoas com hipertensão arterial estão cadastradas na rede municipal de saúde. O dado é do Departamento de Atenção Básica (DAB) da Secretaria Municipal de Saúde referente ao ano de 2023. Em 2022, eram 23 mil pessoas.

HIPERTENSÃO

Segundo o Ministério da Saúde, a hipertensão arterial ou pressão alta é considerada uma doença crônica. Ela se desenvolve devido aos níveis elevados da pressão sanguínea nas artérias.

A doença acontece quando os valores das pressões máxima e mínima são iguais ou ultrapassam os 140/90 mmHg (ou 14 por 9). A pressão alta faz com que o coração tenha que exercer um esforço maior do que o normal para fazer com que o sangue seja distribuído corretamente no corpo.

Além disso, a pressão alta é um dos principais fatores de risco para a ocorrência de acidente vascular cerebral (AVC), infarto, aneurisma arterial e insuficiência renal e cardíaca.

CAUSAS

Ainda conforme o Ministério, 90% dos casos de hipertensão são herdados dos pais. No entanto, outros fatores também podem influenciar no desenvolvimento da doença, como os seguintes:

• Fumo;

• Consumo de bebidas alcoólicas;

• Obesidade;

• Estresse;

• Elevado consumo de sal;

• Níveis altos de colesterol;

• Falta de atividade física.

Os sintomas são dores no peito, dor de cabeça, tonturas, zumbido no ouvido, visão embaçada, sangramento nasal e fraqueza. Geralmente eles aparecem quando a pressão está elevada.

Em caso de sintomas como esses, a recomendação é que o paciente procure a assistência médica de saúde. Para quadros leves, a pessoa deve se dirigir às unidades básicas de saúde. Já para casos graves, as unidades de pronto atendimento são porta de entrada.


Por: Margarete Noren
Fonte/URL: http://rondoniadinamica.com/noticias/2024/04/acao-da-prefeitura-de-porto-velho-leva-servicos-de-prevencao-e-tratamento-sobre-a-hipertensao,189049.shtml

Artigos Relacionados

Secretaria de Saúde de Jaru abre processo seletivo para a contratação de profissionais

Por Assessoria/Prefeiitura Publicada em 16/05/2024 às 11h48 A Secretaria Municipal de Saúde...

Governo de Gaza avisa que já não consegue analisar ou tratar água potável

Por Noticia ao Minuto – Portugal Publicada em 27/04/2024 às 09h49 Na...

Workshop de Hepatites Virais reúne profissionais da saúde municipal e estadual

Por Taís Botelho Publicada em 07/07/2023 às 14h30 Finalizou nesta sexta-feira (7)...

Unidade de Saúde da Família de União Bandeirantes vai ganhar reforma e ampliação

Por Pedro Bentes Publicada em 29/06/2023 às 16h05  Ao todo, mais de...