Seja bem-vindo ao RondôniaHoje, tudo que é notícia passa aqui!
quinta-feira , 23 maio 2024
Policial

Militante da esquerda é preso em flagrante por sequestrar e estuprar garota de 12 Anos

Militante da esquerda é preso em flagrante por sequestrar e estuprar garota de 12 Anos

Daniel Moraes Bittar, preso em flagrante por sequestrar e estuprar uma garota de 12 anos: fotos em favor do PT nas redes sociais | Foto: Reprodução/Instagram
Nesta quinta-feira, 29, um homem de 42 anos, que trabalha como analista de tecnologia da informação (TI), foi preso em flagrante pela Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF) por sequestro e estupro de uma menor de 12 anos. É importante ressaltar que o indivíduo possui um histórico de utilizar as redes sociais para fazer propaganda em apoio ao Partido dos Trabalhadores (PT).

Segundo informações do site do jornal Correio Braziliense, um indivíduo identificado como Daniel Moraes Bittar foi responsável por cometer os delitos na última quarta-feira, dia 28. De acordo com a Polícia Militar do Distrito Federal, ele teria sequestrado a criança no bairro de Jardim Ingá, localizado em Luziânia, região próxima a Brasília. Após isso, os policiais afirmam que ele a dopou e a levou para seu apartamento na área nobre de Brasília, conhecida como Asa Norte.

“A menina contou que o homem usou uma faca para rendê-la”, informa, nesse sentido, a PMDF. “Em seguida, uma mulher colocou um pano com clorofórmio para dopá-la. A criança foi colocada dentro de uma mala. Quando ela acordou, já estava na casa do pedófilo”, prossegue a corporação, em nota.

Os policiais do Grupo Tático Operacional do 3º Batalhão da Polícia Militar do Distrito Federal efetuaram a captura do indivíduo. De acordo com os agentes, a pessoa agredida foi localizada parcialmente despida na cama do agressor sexual. A jovem estava com os pés algemados e apresentava ferimentos pelo corpo.

Adicionalmente, foram encontrados no apartamento do criminoso pela PMDF itens como aparelhos de choque, câmeras fotográficas, objetos relacionados ao sexo e materiais pornográficos. Devido à suspeita de que ele tenha registrado o estupro, os dispositivos eletrônicos serão submetidos a análise forense.

No final, foram encontrados na área uma estrutura para cultivar maconha e um recipiente contendo clorofórmio, uma substância utilizada na produção de drogas. O indivíduo de 42 anos foi levado à 5ª Delegacia do Distrito Federal. A mulher que colaborou com ele ainda não foi reconhecida pelas autoridades.

Preso por estuprar garota promoveu o PT nas redes
O indivíduo que trabalhava como analista de TI e foi detido por sequestro e agressão sexual contra uma menina de 12 anos, possuía uma personalidade completamente distinta em suas contas nas redes sociais. Nas plataformas do Facebook e Instagram, Daniel Moraes Bittar era um defensor ativo do PT.

Na reta final do segundo turno presidencial do ano passado, ele compartilhou uma foto em que uma das mãos do então candidato petista Luiz Inácio Lula da Silva aparece acompanhada dos dizeres “o amor já venceu o ódio”. Dias antes, o pedófilo — segundo afirmação da PMDF — divulgou o momento em que, durante uma manifestação, segurava um bandeirão do PT e aparecia ao lado de uma imagem de papelão de Lula.

Na rede social Facebook, o agressor político do PT publicou uma foto de perfil com a identificação “Lula 13”. Além disso, é possível encontrar outras imagens em que ele expressa confiança nas urnas eletrônicas e fotos apenas com o logotipo do PT. Também é possível ver uma ilustração em que o profissional de tecnologia da informação alerta sobre a ilegalidade da pedofilia. As informações são da Revista Oeste.

Fonte: Contra Fatos


Por: Donizete Bernardo Santos
Fonte/URL: https://www.jornalcorreiodovale.com.br/militante-da-esquerda-e-preso-em-flagrante-por-sequestrar-e-estuprar-garota-de-12-anos/

Artigos Relacionados