Seja bem-vindo ao RondôniaHoje, tudo que é notícia passa aqui!
sexta-feira , 24 maio 2024
Cidades

Sinais dão conta que Magno não será candidato a prefeito, mas, ao Senado

Sinais dão conta que Magno não será candidato a prefeito, mas, ao Senado

Uma candidatura de Carlos Magno a prefeito de Ouro Preto do Oeste, interior de Rondônia, seria uma impossibilidade filosófica. Coluna do Gutierrez

A análise é do jornalista Roberto Gutierrez ao dizer que os sinais que Magno deixa, são bem claros, pois, ele estaria de olho na eleição para o Senado que, em 2026, terá duas vagas em disputa.

O fato de ter aceitado o cargo de secretário de agricultura da prefeitura de Porto Velho, não seria porque está passando fome ou desesperado em busca de um emprego. Ora bolas, se ele quisesse pleitear uma candidatura a prefeito de Ouro Preto do Oeste, não seria na capital de Rondônia que ele iria tentar fazer um trabalho!

Porto Velho é para Magno a última fronteira política a ser conquistada e a mais importante, pois, representa um terço do eleitorado de Rondônia. Basta ver o histórico das votações que teve em todas as regiões de Rondônia.

Alguém poderia indagar: Magno teria cacife para enfrentar nomes como Marcos Rocha, Marcos Rogério, Confúcio Moura e tantos outros que possam surgir? Eu diria que não, mas, por foça de duas circunstâncias, sim, ele teria, pois, passaria despercebidos aos olhos dos adversários e até mesmo das pesquisas.

Déjà vu
Marcos Rogério se elegeu ao senado não só por conta da atuação dele como deputado federal, mas, porque ele tinha perfil de candidato de segundo voto. Em 2026, Marco Rogério, apesar de ser muito bem visto pela Direita de Rondônia, que é maioria do eleitorado, por força das circunstâncias, passara, em 2026, a ser candidato da primeira opção de voto, assim como Confúcio era opção de primeiro voto em 2018, como foi Acir Gurgacz e como será Marcos Rocha, caso venha ao Senado em 2026 – todos candidatos de primeira lembrança ao voto.

Carlos Magno reúne, a meu ver, todas as características de se tornar a segunda opção de voto ao Senado. Com isso ele levaria vantagem, assim como aconteceu com Fátima Cleide eleita Senadora, também por influência do Lula na época. Da mesma forma com Olavo Pires em 1986 obtendo praticamente o dobro da votação do segundo colocado, Ronaldo Aragão.

No lugar de Carlos Magno você abriria mão de conquistar uma vaga no senado para disputar uma prefeitura de Ouro Preto do Oeste a qual, se tiver mais de dois candidatos, dificilmente ganharia a eleição?


Por: Almi Coelho
Fonte/URL: https://alertarondonia.com.br/noticias/sinais-dao-conta-que-magno-nao-sera-candidato-a-prefeito-mas-ao-senado/?utm_source=rss&utm_medium=rss&utm_campaign=sinais-dao-conta-que-magno-nao-sera-candidato-a-prefeito-mas-ao-senado

Artigos Relacionados

Polícia Militar prende dois suspeitos por tráfico de drogas em Rolim de Moura

Ação rápida resulta na captura de indivíduos e apreensão de entorpecentes Na...

No auge da tragédia, gigante do setor de alimentos faz grave anúncio

Apesar da ajuda que chega de todas frentes possíveis, por meio de...

Chuvas no RS: mortes chegam a 95; 1,4 milhão de pessoas são afetadas

REUTERS/Amanda As tragédias das chuvas no Rio Grande do Sul provocaram 95...

Governador Marcos Rocha acompanha envio de equipe de Força-Tarefa que já está no RS

A equipe especializada em salvamento, que integra a força-tarefa do Governo de...